Full width Top advertisement

Famosos

Televisão

Propaganda 1 news

Após ser jogada na cerca elétrica, mãe diz que filha adotiva de 6 anos é adulta

Após ser jogada na cerca elétrica, mãe diz que filha adotiva de 6 anos é adulta
(Foto: Divulgação)
Um casal americano acusado de abandonar a filha de 6 anos afirma que a menina era uma adulta sociopata de 22 anos que tentou matar a família. O casal Kristine Barnett, 45 anos, e Michael Barnett, 43, deixou a filha sozinha em casa e nunca mais voltaram.



Esse caso chega a ser bem parecido com o filme de terror "A Órfã" que viralizou entre os jovens. O caso aconteceu em 2013, mas veio à tona somente agora, quando o casal acusado de negligência foi encontrado e ganhou as manchetes dos jornais.



Kristine contou em entrevista ao Daily Mail, Natalia Grace é uma mulher ucraniana que tem nanismo. Depois do processo de adoção, a mãe relata que começou a perceber fatos estranhos: Natalia menstruava, tinha dentes adultos e pelos pubianos, apesar de ter apenas 6 anos de idade. Além disso, a linguagem utilizada por ela era muito adulta para a sua idade.



Após ser ameaçada pela garota, Kristine disse que foi obrigada a esconder facas e objetos afiados de Natalia. “Ela fazia desenhos e escrevia que queria matar a sua família, enrolá-los em um cobertor e colocá-los no quintal”. Ainda de acordo com o depoimento da mulher, ela chegou a ver a criança colocar água sanitária no café e afirmou que queria envenená-la.

Os médicos confirmaram que Natalia sofria de uma doença psicológica grave, diagnosticada apenas em adultos. Ela pulava de carros em movimento e manchava os espelhos de casa com sangue. Ela fazia coisas que uma criança nunca faria” disse a esposa de Michel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]